segunda-feira, 2 de abril de 2012

Hardy's — Mill Cellars, Chardonnay '2010

Chardonnay meio seco produzido por Thomas Hardy & Sons. Sobre a marca, pode ler-se algo aqui. Sobre a região de origem, lê-se em wineaustralia.com que:

"The Geographical Indication "SOUTH EASTERN AUSTRALIA" is located within the Commonwealth of Australia.

The area so enclosed includes all of the State of New South Wales, all of the State of Victoria, all of the State of Tasmania, all of the Australian Capital Territory, and those parts of the State of Queensland lying to the south and the east of the described boundary, and those parts of the State of South Australia lying to the south and the east of the described boundary, and all of those off-shore islands under Australian Government control lying to the south and east of the described boundary."

Ficamos então a saber que as uvas com que se fez este vinho podem provir de milhentos sítios, numa área enorme. Diz a respectiva ficha técnica que foram colhidas durante a noite, sujeitas a prensagem mecânica e fermentadas em cubas, sob acção de leveduras seleccionadas. O produto final foi engarrafado sem estágio, após estabilização.

Servido frio. A cor é a que se pode ver na fotografia. O nariz, rico em sugestões cítricas — lima e limão — e de pêssego, leque aromático pouco impressionante, tanto em extensão como em expressão. Na boca achei-o pequeno e leve, quase fugaz, com o açúcar residual a notar-se. Notei este, no entanto, efectivamente compensado por intensa acidez, o que deixou o conjunto final fresco, bebível. Bebível, mas nem por isso interessante.

4€.

13